Apoios à Investigação Científica 2024/2025

Candidaturas abertas até 31 de agosto
Ver mais

Prémio Maria de Sousa 2024

Candidaturas abertas até 31 de maio
Ver mais

Prémio BIAL de Medicina Clínica 2024

Candidaturas abertas até 31 de agosto
Ver mais

Fundação BIAL

Ver mais

Últimas Novidades

Não perca os nossos Destaques e Science Stories
Ver mais



Sobre nós

Ver mais



Prémios

Ver mais



Apoios

Ver mais



Simpósios

Ver mais

Notícias

Notícias

Vai escolher o de sempre ou arriscar?

Escolhemos sempre o mesmo caminho de regresso a casa, mas um dia decidimos arriscar um percurso alternativo. O que nos leva a tomar esta decisão?

Saber mais

Sonhar enquanto se dorme e “sonhar acordado”: diferenças e semelhanças

Sabia que os sonhos “diurnos” refletem acontecimentos dos dois dias anteriores, enquanto os sonhos “noturnos” se assemelham a um enredo de ficção?

Saber mais

O seu cão tem competências sociais?

Estudo revela que a visualização do rosto do dono funciona como reforço social positivo para os cães. Conheça resultados intrigantes sobre o “melhor amigo do homem”.

Saber mais

Notícias

A conectividade entre o córtex pré-motor e motor afeta a comunicação entre as áreas

Foi publicado o artigo Changing connectivity between premotor and motor cortex changes inter-areal communication in the human brain na revista científica Progress in Neurobiology no âmbito do projeto de investigação 44/16 - Inducing and measuring plasticity in response control mechanisms in the human brain, apoiado pela Fundação BIAL e liderado por Alejandra Sel de Felipe. Tem sido sugerido que a eficácia ou a força das conexões entre os grupos neuronais influencia a força da comunicação entre as regiões do cérebro. A equipa de investigação testou essa possibilidade no cérebro humano usando manipulações que foram estabelecidas para aumentar ou diminuir a força da conectividade numa via cortico-cortical, o percurso que conecta o córtex pré-motor ventral (PMv) e o córtex motor primário (M1) e demonstrou que a alteração a curto prazo da eficácia sináptica da via PMv-M1 altera a comunicação cerebral entre as regiões pré-motoras e de controle motor primário. Além disso, o aumento da força da conexão PMv-M1 conduz ao aumento da coerência nas bandas beta e alfa, enquanto a diminuição da força da conexão PMv-M1 resulta na diminuição da coerência na banda teta.

Saber mais

Serão similares as experiências de quase morte (EQMs) e as experiências psicadélicas?

Pascal Michael e colaboradores analisaram as semelhanças e diferenças entre uma EQM, durante um estado de coma, e uma experiência induzida por uma droga psicadélica endógena (5-MeO-DMT). De forma global, observou-se um elevado nível de comparabilidade entre a EQM e a experiência psicadélica, emergindo temas comuns, tais como, transcendência do espaço-tempo, dissolução do ego e amor universal. No entanto, também surgiram temas específicos nas EQM que não estavam presentes na experiência psicadélica, designadamente revisão da vida, encontro com uma entidade falecida e limiar sem retorno. Apesar das convergências observadas em vários domínios, ambas experiências foram consideradas como totalmente diferentes pelo participante. Para saber mais sobre este estudo, consulte o artigo This is your brain on death: a comparative analysis of a near-death experience and subsequent 5-Methoxy-DMT experience publicado na revista científica Frontiers in Psychology, no âmbito do projeto de investigação 359/18 - DMT and Epileptiform activity as an integrative model of the Near-Death Experience: A phenomenological, psychometric and psychophysiological study, apoiado pela Fundação BIAL.

Saber mais

A execução da resposta motora faz parte do processo de decisão?

Michele Scaltritti, investigadora principal do projeto de investigação 79/20 - Redefining the boundaries between cognition and action through the psychophysiological investigation of binary decisions, apoiado pela Fundação BIAL, publicou no Journal of Experimental Psychology: Human Perception and Performance o artigo Redefining the Decisional Components of Motor Responses: Evidence From Lexical and Object Decision Tasks. A equipa de investigação pretendia analisar se a execução da resposta motora integra ou não o processo de decisão. Recorrendo ao sinal eletromiográfico (EMG) dividiram o tempo de reação no tempo pré-motor (intervalo de tempo entre o início do estímulo e o início da atividade EMG) e no tempo motor (intervalo de tempo desde o início do pico de amplitude do EMG até ao pressionar do botão), para avaliar se o processo de decisão termina antes do início da resposta ou, pelo contrário, se ainda persiste durante a execução da resposta motora. Os resultados apoiam esta última perspetiva, isto é, a execução da resposta motora está integrada na dinâmica de decisão em curso.

Saber mais